5 mitos sobre o eucalipto

Fundamental por gerar diversos subprodutos ao ser humano, o eucalipto é uma planta conhecida em todo o mundo. Apesar de seu sucesso, ainda existem alguns mitos que cercam o eucalipto, que muitas vezes, é tido como inimigo ambiental. Mas será que a planta é realmente um vilão?

Solo danificado

Ao contrário do que se afirma por aí, o eucalipto não produz esgotamento no solo, nem oferece perigo para produções futuras. Segundo especialistas, na verdade, plantar eucalipto pode auxiliar bastante o ambiente ao redor, desde que cultivado da maneira correta. Isso porque ele consegue manter uma microflora abundante e variada, auxiliando assim, na decomposição do lixo e incorporá-lo ao sistema nutritivo. Estudos ainda apontaram que investir no plantio de eucaliptos não influencia negativamente no solo, uma vez que as raízes da planta penetram profundamente na terra, absorvendo nutrientes que nenhuma outra espécie alcança.

Espécies diferentes

Outro mito popular comum sobre o eucalipto é a sua incompatibilidade com as demais espécies nativas. Entretanto, nos locais nos quais os eucaliptos foram plantados, outras espécies crescerem igualmente bem a outros locais em que a planta nunca foi cultivada. Na verdade, além de não causar problemas, o cultivo de eucalipto também proporciona benefícios ao meio ambiente e ao ser humano, como por exemplo, auxílio na recuperação de montanhas degradadas. Tal fato se dá pelo eucalipto ser uma das poucas plantas capazes de sobreviver em solos erodidos, além de contribuir para sua recuperação.

Consumo de água

No Brasil, devido ao plantio desenfreado do eucalipto nas décadas de 70 e 80, um mito se popularizou no país. Acredita-se que a planta seca o solo, devido a sua alta necessidade de água para o sustento, sendo apelidada de “deserto verde”. No entanto, o eucalipto consome menos água do que é falado, pois tem a faculdade de fechar as folhas, de modo que, durante as secas, sua evaporação é radicalmente reduzida. O ideal nesse caso é realizar o plantio corretamente, de forma assistida e controlada.

Desenvolvimento econômico

Mais um mito popular no Brasil é o da pouca contribuição financeira e social aos municípios.

Assim como dito anteriormente, manejar corretamente o cultivo do eucalipto traz inúmeros benefícios como por exemplo, empregos diretos e indiretos em viveiros, desde a implantação e manutenção das florestas. Além disso, recolher impostos, investimentos em infraestrutura e consumo de bens de produção local, são consequências positivas do eucalipto. 

Eucalipto prejudica a biodiversidade

Apesar de ser uma crença extremamente comum, o Cultivo de Eucalipto não prejudica em nada a biodiversidade. O que acontece é que a árvore é comumente plantada em áreas de baixa fertilidade. O Eucalipto se destaca em solos secos e antigas áreas de pastagem. Esse é o motivo que faz com que as pessoas atribuam o cultivo a falta de biodiversidade. Para existir o Cultivo de Eucaliptoé necessário que existam áreas de preservação. A fauna é totalmente dependente dessa cultura. Pássaros e abelhas conseguem viver normalmente em plantações de Eucalipto.

Transporte Florestal - Conheça os equipamentos de transporte ideais para o Eucalipto

Quando falamos de Transporte Florestal, Eucalipto é a primeira matéria a ser considerada. A linha de Transporte Florestal da Sergomel é líder de mercado no Transporte de Eucalipto.

Nossos equipamentos possuem a robustez e excelência necessários para que você consiga levar sua carga com segurança e eficiência.