Rodízio de pneus de caminhão: qual importância e como fazer

Para evitar prejuízos, multas e acidentes, é muito importante saber como fazer rodízio de pneus de caminhão. É fundamental entender que o desgaste na banda de rodagem será variado e para maximizar sua durabilidade, é necessário alternar a configuração com certa regularidade.

A manutenção de um caminhão não é brincadeira: quando um veículo é, além de meio transporte, uma ferramenta de trabalho, é preciso atenção redobrada com o seu estado de conservação e capacidade de rodar com segurança.

Neste artigo, explicaremos melhor a importância de se fazer o rodízio de pneus de caminhão e como isso deve ser feito. Confira!

POR QUE O rodízio de pneus de caminhão DEVE SER FEITO?

O rodízio de pneus de caminhão deve ser feito principalmente por duas razões: maximizar a vida útil e assegurar que o veículo tenha mais estabilidade, especialmente em curvas e freadas.

Um pneu é feito para se desgastar naturalmente conforme o seu uso. Ele é o ponto de contato do veículo com o solo e depois de rodar muito, precisa ser trocado. Isso pode ser percebido por marcações na banda de rodagem, que é a parte do pneu que se desgasta com o atrito com chão.

Só que essa deterioração acaba sendo irregular e influenciado por diversos fatores externos, como a condição das vias que o caminhão roda e a distribuição da carga nele, além do próprio peso do veículo, que é maior onde está o motor. Até mesmo o clima e a forma de dirigir são relevantes para irregularidade no desgaste da banda de rodagem. É por essa razão que o rodízio de pneus de Caminhão deve ser feito: com o desgaste equilibrado, a duração dos pneus é ampliada em até 20%.

CONSUMO E BANDA DE RODAGEM

O consumo de combustível também é maior em caminhões que rodem com pneus que estejam com desgaste irregular. Logo, fazer essa manutenção significa também redução de custos.

Rodar com um pneu careca é um risco para o motorista do caminhão e terceiros; essa irresponsabilidade pode ser punida com multas e em alguns casos, até a apreensão do veículo.

COMO FAZER rodízio de pneus de caminhão NA PRÁTICA?

O rodízio de pneus de caminhão é uma forma de manutenção que, normalmente, vem descrita no manual do proprietário. Dependendo da marca e do modelo do caminhão, isso é realizado de forma diferente.

Quando for realizar o rodízio, procure uma oficina e nunca tente realizar as trocas sem o suporte de um especialista, a não ser que você seja um. Como já foi dito, as responsabilidades e riscos que envolvem um veículo de carga utilizado profissionalmente são grandes e nenhuma manutenção importante deve ser realizada com desleixo.

O mais importante aqui é compreender que o rodízio de pneus de caminhão não é feito da mesma forma que o de um carro de passeio, porque, muitas vezes, o veículo de carga tem mais eixos e mais rodas. Essa complexidade faz com que a rotação seja bem mais elaborada, o que pode variar de acordo com a configuração e a função do caminhão.

Normalmente, o recomendável será fazer alinhamento, balanceamento e rodízio de pneus de caminhão no mínimo a cada 10 mil quilômetros ou antes, se surgir alguma demanda de realização dessas três manutenções.

A ideia é aproveitar que o veículo terá que parar de rodar para resolver tudo de uma vez só. Também vale a pena inspecionar rodas e aros para verificar se está tudo funcionamento corretamente.

Se, ao fazer o rodízio, for detectado um desgaste na banda de rodagem que ultrapasse as marcações do fabricante, é melhor aproveitar para realizar a troca desse pneu, preferencialmente por outro da mesma marca e modelo do conjunto que já é utilizado.

NA HORA DE FAZER AS TROCAS, VALE A PENA CONHECER ALGUMAS REGRAS:

  • sempre faça os rodízios dos pneus de um mesmo eixo simultaneamente, para evitar o desbalanceamento e desalinhamento do veículo;
  • em caminhões com mais eixos e rodas, lembre-se de trocar também pneus das rodas internas;
  • sempre readapte as pressões de cada pneu após realizar o rodízio;
  • em veículos com medidas diferentes de eixos, a troca deve ser feita entre os pneus de um mesmo eixo, apenas;
  • no caso de pneus unidirecionais, a recomendação é a rotação longitudinal ou paralela;
  • na maior parte das vezes, o rodízio cruzado será melhor. Vale a pena conferir o que está descrito no manual do veículo.

E claro, além do rodízio, é muito importante para a durabilidade que seja feita a calibragem regular dos pneus. Segundo as recomendações de boa parte dos fabricantes, isso deve ser feito pelo menos uma vez por semana. Um pneu bem calibrado se desgasta menos e de forma mais regular.

Quando a calibragem está errada ou não é feita, os riscos de perda de aderência e consequentes acidentes são maiores. A calibragem bem feita também economiza mais que os pneus: também reduz o consumo de combustível, principal vilão de gastos no transporte.

E aí, curtiu nosso conteúdo de hoje sobre rodízio de pneus de caminhão? Aproveite e tire suas dúvidas com algum dos nossos atendentes Sergomel.